Quer Participar do "Espaço do Internauta"? Envie seu vídeo para
midiajogos@yahoo.com

terça-feira, 29 de março de 2011

"Tela negra da morte" do 3DS causa travamentos e assusta jogadores.

Tela preta assusta jogadores do novo portátil da Nintendo.

Após as temidas três luzes vermelhas que assombraram os donos dos primeiros modelos do Xbox 360 com três luzes vermelhas e a luz amarela que aterroriza os jogadores de PlayStation 3, agora é a vez dos donos do 3DS ficarem com medo de uma pane geral do sistema prontamente apelidada de "Tela Negra da Morte".

De acordo com diversas reclamações dos proprietários afetados, o Nintendo 3DS está apresentando constantemente defeitos em seu hardware, que ocasionam travamentos e apresentam uma nada amigável tela negra avisando da pane no sistema.

Assim como os defeitos do X360 e do PS3, o problema do 3DS pode significar que o aparelho não voltará a funcionar. O aviso também significar apenas um travamento repentino em seu funcionamento, obrigando ao jogador forçar o reinício do sistema ou um defeito de formatação no cartão SD.

Quem tem o desprazer de ter uma pane definitiva deve procurar a assistência técnica da Nintendo. Caso o problema seja um travamento simples, o portátil volta a funcionar reiniciando o sistema para continuar jogando normalmente. Já o problema de formatação do cartão de memória pode ser resolvido ao formatar o cartão SD em sistema FAT-32, muito comum em dispositivos USB.

O defeito foi largamente anunciado em sites como NeoGaf, AVForums e DigitalSpy, em que diversos donos do portátil colocavam suas experiências com o problema. Alguns alegam terem seus consoles paralisados enquanto jogavam "Monkey Ball", "Street Fighter IV 3D", "Pilotwings", "Ghost Recon" e "Lego Star Wars", mas aplicações de Miis também foram citadas em alguns casos.

Até o momento, a Nintendo não se pronunciou sobre a tão comentada Tela Negra da Morte em seu portátil, mas espera-se que a fabricante se pronuncie e resolva o problema com uma eventual atualização de sistema.

Segundo especialistas, peças do Nintendo 3DS custam US$ 101.

Especialistas fizeram as contas e estimam que o custo das peças do 3DS é de US$ 101.

Quanto custa para fabricar um Nintendo 3DS? Segundo a equipe do site UBM TechInsights US$ 101. Para chegar a este valor, os especialistas desmontaram o portátil e conferiram tudo o que está dentro do portátil e analizando o conteúdo desses materiais no mercado.

Ainda segundo informações do site, o valor é US$ 15 a mais do que o custo de produção de um Nintendo DSi, devido à tela 3D, o giroscópio e outras melhorias. Mas, analistas não calcularam o custo de fabricação, marketing, distribuição e outros elementos que encarecem o produto.

Mesmo assim é estimado que a a Nintendo deve ter uma boa margem de lucro com o 3DS. Além disso, a empresa vai receber parte dos royalities provenientes das vendas de jogos e acessórios.

Está chegando a hora

Nos Estados Unidos, o Nintendo 3DS chega em 27 de março, ao preço de US$ 249,99 e nas cores Aqua Blue (azul) e Cosmo Black (preto). O pacote acompanha um cartão de memória de 2 GB, seis cartões de realidade aumentada e uma base que serve para recarregar o aparelho.

O videogame terá quatro idiomas nativos: inglês, espanhol, francês e português do Brasil. A intenção da Nintendo é lançar o portátil no país ao mesmo tempo que nos Estados Unidos, mas, por ora, nada está definido. Nem o preço.

Além de games em cartão, o jogador também poderá obter jogos por download, através de uma loja especial chamada Nintendo E-Shop, acessada pelo próprio aparelho. Também estarão disponíveis clássicos para Game Boy e Game Boy Color através do serviço Virtual Console, e a Nintendo pretende ter mais de 30 títulos disponíveis para o portátil até o fim do primeiro semestre.

Os Friend Codes continuam existindo, mas agora é preciso ter um único código por aparelho, e não uma sequência numérica por jogo, como acontecia no Nintendo DS e no Wii.

sábado, 26 de março de 2011

Devido a problemas, Crytek ensina a acessar modo multiplayer de "Crysis 2" no PC.



Alguns jogos têm problemas que são identificados assim que lançados, alguns são tão sérios que impedem o algumas funcionalidades, e este é o caso de "Crysis 2" para PC. Usuários avisaram isso no fórum oficial do game e a Crytek descobriu como contornar o problema.

O defeito envolve a chave do produto (CD Key) e é identificado quando o jogador tenta salvar seu código no sistema: uma mensagem de erro aparece dizendo "número serial já em uso".

De acordo com a mensagem da empresa, são necessários três passos para contornar os defeitos:

1. Carregue "Crysis 2", vá ao modo multiplayer e digite a chave
2. Volte para o modo solo
3. Então volte novamente para o modo multiplayer e reintroduza a chave

Após completar estes três passos, a chave multiplayer será salva e o jogador não será obrigado a redigitá-la.

Por mais incômodo que seja, a Crystek pede desculpas para os usuários A empresa não divulgou uma data de lançamento para a atualização.

Tecnologia em favor do bem

"Crysis 2" é ambientado na cidade de Nova York. No primeiro game o jogador tinha o controle de um membro do exército americano que combatia norte-coreanos numa parte do game e alienígenas na outra. Entretanto a identidade do protagonista do segundo episódio da série ainda não foi revelada.

Uma das novidades do game é a versão 2.0 da Nanosuit, armadura de combate utilizada pelos protagonistas da franquia e que garante aumento de habilidades. Em "Crysis 2", além do tático, os outros quatro modos retornam com ajustes importantes. Um bom exemplo dessas alterações está na combinação das funções Speed e Power, que aumentam a velocidade e força do herói.

"Crysis 2" foi lançado no dia 22 de março, em versões para PC, PlayStation 3 e Xbox 360.

"Resident Evil 4" e "Code Veronica" em HD chegam por download no Ocidente.



A Capcom dos EUA não perdeu tempo e antes que os fãs de "Resident Evil" começassem se aglomerar em frente à sua sede nos EUA, resolveu falar que sim: há planos de lançar "Resident Evil 4" e "Resident Evil: Code Veronica" em HD no Ocidente.

Entretanto, diferente do Japão (que terá um disco especial) os games serão disponibilizados por download na Playtation Network e Xbox Live.
Apesar de não confirmar o suporte aos sistemas de troféus e conquistas, o site Andriasang reportou que será possível controlar a personagem Ada Wong no cenário "The Another Order" de "Resident Evil 4" que foi lançado para PS2.

O relançamento ocidental de "Resident Evil 4" e "Resident Evil: Code Veronica" para o PlayStation 3 e Xbox 360 acontece entre setembro a dezembro de 2011.

Terror na Nova geração

"Resident Evil 4" se passa em 2004, seis anos depois dos eventos do segundo game da série. De acordo com o enredo, a corporação Umbrella teria desaparecido e, com ela, os zumbis. O jogador controla Leon, que é contratado como guarda-costas da filha do presidente dos Estados Unidos, mas antes de começar o serviço, ela é raptada e levada para uma vila na Europa.

Já em "Resident Evil Code: Veronica" é possível controlar os irmãos Chris e Claire Redfield em dois momentos distintos: no primeiro a garota precisa escapar de uma ilha infestada por criaturas afestadas pelo T-Vírus, enquanto no outro Chris deve derrotar as criaturas geneticamente modificadas ao mesmo tempo em que procura por sua familiar perdida.

A moda de recriar jogos antigos com gráficos em alta definição não é recente. Além de "Resident Evil Revival Selection", atualmente os jogadores também têm acesso a games como "God of War Collection", que traz os dois primeiros games da série refeitos para PlayStation 3,"Beyond Good and Evil HD" e outros.

Capcom prepara remake em HD de "Resident Evil 4" e "Code Veronica"



Tem se tornado frequente reviver clássicos do passado com gráficos refeitos e outras mordomias, e de acordo com o site Andriasang mais dois títulos passarão a integrar essa relação: "Resident Evil Code Veronica: Director's Cut" e "Resident Evil 4".

Sem data de lançamento definida, os games serão relançados para PlayStation 3 e Xbox 360 na coletânea "Resident Evil Revival Selection" e trarão gráficos em alta definição. Não foi confirmado o suporte aos sistemas de troféus e conquistas, mas o site reportou que será possível controlar a personagem Ada Wong no cenário "The Another Order" de "Resident Evil 4".

"Resident Evil 4" se passa em 2004, seis anos depois dos eventos de "Resident Evil 2". De acordo com o enredo, a corporação Umbrella teria desaparecido e, com ela, os zumbis. O jogador controla Leon, que é contratado como guarda-costas da filha do presidente dos Estados Unidos, mas antes de começar o serviço, ela é raptada e levada para uma vila na Europa.

Já em "Resident Evil Code: Veronica" é possível controlar os irmãos Chris e Claire Redfield em dois momentos distintos: no primeiro a garota precisa escapar de uma ilha infestada por criaturas afestadas pelo T-Vírus, enquanto no outro Chris deve derrotar as criaturas do além ao mesmo tempo em que procura por sua familiar perdida.

Nova geração

A moda de recriar jogos antigos com gráficos em alta definição não é recente. Além de "Resident Evil Revival Selection", atualmente os jogadores também têm acesso a games como "God of War Collection", que traz os dois primeiros games da série refeitos para PlayStation 3,"Beyond Good and Evil HD" e outros.

No PC, "Crysis 2" já conta com atualização para corrigir problemas técnicos.



Mal o jogo de ação em primeira pessoa "Crysis 2" chegou ao mercado norte-americano e a Crytek anunciou nesta terça-feira (22) que a versão para PC já conta com uma atualização disponível para download.

O arquivo de correção, que será baixado automaticamente ao iniciar o jogo, visa trazer uma série de ajustes para o título, como um modo de detecção do uso de trapaças, partidas que não se iniciam, remoção da mira automática, textos mais rápidos nos diálogos, entre outros elementos.

Tecnologia em favor do bem

"Crysis 2" será ambientado na cidade de Nova York. No primeiro game o jogador tinha o controle de um membro do exército americano que combatia norte-coreanos numa parte do game e alienígenas na outra. Entretanto a identidade do protagonista do segundo episódio da série ainda não foi revelada.

Uma das novidades do game é a versão 2.0 da Nanosuit, armadura de combate utilizada pelos protagonistas da franquia e que garante aumento de habilidades. Em "Crysis 2", além do tático, os outros quatro modos retornam com ajustes importantes. Um bom exemplo dessas alterações está na combinação das funções Speed e Power, que aumentam a velocidade e força do herói.

"Crysis 2" tem lançamento foi lançado nesta terça-feira, 22 de março, em versões para PC, PlayStation 3 e Xbox 360.

Por R$ 79, "Assassin's Creed II" chega à Xbox Live do Brasil.


Os fãs de ação furtiva se sentirão em casa com a atualização recente do Xbox Live brasileiro, que recebeu a adição de "Assassin's Creed II" e mais dois games na seção de Jogos sob Demanda.

Já os gringos recebem o game "Full House Poker" e as demonstrações de "WWE All Stars" e "Zumba Fitness", além de desconto em "Sonic the Hedgehog 4: Episode I".

Confira a relação de itens adicionados às redes brasileira e americana do Xbox 360:

XBOX LIVE (BRASIL)

Jogos sob Demanda

.Assassin's Creed II
Em "Assassin's Creed II" o posto de protagonista é assumido por Ezio, nobre italiano que é traído por uma família rival e busca vingança contra as pessoas que o prejudicaram. Durante a jornada o personagem ainda interage com personalidades históricas como Leonardo da Vinci e Nicolau Maquiavel, conteúdo pode ser conferido por R$ 79.

.Call of Juarez
"Call of Juarez" é um game de tiro em primeira pessoa ambientado no Velho Oeste. Controlando o reverendo Ray ou o pistoleiro Billy, o jogador deve combater alguns dos mais terríveis inimigos numa terra sem lei. Sai por R$ 39.

.Cloudy with a Chance of Meatballs
Adaptação da animação lançada no Brasil como "Tá Chovendo Hamburguer", em "Cloudy with a Chance of Meatballs" o jogador controla o cientista Lockwood, que precisa resolver o problema de uma inundação nas ruas da pacata cidade de Swallow Falls. O valor do download é de R$ 39.

XBOX LIVE (EUA)

Desconto semanal

Nesta semana os assinantes do Xbox Live têm a oportunidade de adquirir o game "Sonic the Hedgehog 4: Episode I" por 800 MS Points. O valor original é de 1200 MS Points.

Demonstrações (gratuitas)

.WWE All Stars
Na demonstração de "WWE All Stars" o jogador pode conferir algumas características do game ao mesmo tempo em que controla Rey Mysterio ou Ultimate Warrior.

.Zumba Fitness
Apresentando músicas latinas e de outras partes do mundo, "Zumba Fitness" coloca o jogador para mexer o esqueleto seguindo diversas coreografias. Os movimentos são captados pelo Kinect, sensor de movimentos do Xbox 360, e transferidos para o personagem.

Jogos para Xbox 360

.Full House Poker
Por 800 MS Points o jogador pode testar a sorte em partidas de pôquer online ao mesmo tempo em que tenta se transformar em um adversário temido pelos oponentes.

Desafios de "Trine 2" chegam no 3º trimestre para PS3, X360 e PC.



A produtora Atlus anunciou que "Trine 2", game que será distribuído exclusivamente por download para PlayStation 3, Xbox 360 e PC, será lançado no terceiro trimestre deste ano. Data exata e preço do download ainda não foram divulgados.

"Trine 2" é sequência de título lançado em 2009, também para a rede digital das mesmas plataformas. Aqui os jogadores podem controlar novamente uma ladra, um mago e um cavaleiro em novas aventuras repletas de quebra-cabeças, além de contar com a introdução de suporte online cooperativo para até três pessoas.

Segundo a empresa, o game é "uma mistura perfeita da ação clássica de jogos de plataforma, níveis criativos baseados em física e diversão multiplayer cooperativo".

Três em um

Em "Trine", o artefato mágico que dá nome ao jogo é tocado por três personagens - uma ladra, um mago e um cavaleiro -, fazendo com que os três passem a coexistir em um mesmo corpo.

O jogador deve alternar entre os personagens e usar suas habilidades específicas: a ladra usa arco e flecha e tem um gancho para se prender em pontos do cenário, o mago cria objetos e pode levitá-los, e o cavaleiro usa a força bruta, munido de espada e escudo.

A principal característica do jogo é o uso de um sistema avançado de física que auxilia os personagens principais a transpor barreiras e grandes obstáculos, além de interagir de forma bastante criativa com o cenário em si.

segunda-feira, 21 de março de 2011

Hacker cria ferramenta para usar Kinect no PS3.

Ferramenta permite que usuários usem a câmera do X360 no PS3.




Um hacker conhecido como Shantanu Goel divulgou em seu perfil no YouTube um vídeo em que mostra uma utilização do Kinect, câmera com sensor de movimentos do Xbox 360, rodando em um PlayStation 3, mais especificamente, como controlador do jogo de tiro em primeira pessoa "Killzone 3".

Goel desenvolveu uma ferramenta em fase experimental que, ligada ao computador, transfere todos os movimentos do jogador de frente ao Kinect para o PlayStation 3, incluindo o controle total sobre o menu de sistema XMB e também os seus jogos.

Apesar da novidade, o sistema não está funcionando perfeitamente, tanto que os movimentos demoram a serem realizados. De qualquer forma, o projeto ainda está em seus passos iniciais e Goel afirma que novas versões estão a caminho.

Aos interessados em testar essa ferramenta, uma demonstração está disponível no site do desenolvedor. A Sony e a Microsoft ainda não se manifestaram a respeito.

Lançamentos: "Crysis 2" e "LEGO Star Wars III" capricham na luta contra aliens.


Depois de "Killzone 3", outro aguardado jogo de tiro chega ao mercado: "Crysis 2" continua o aclamado shooter lançado em 2008 exclusivamente para PC.

Desta vez os combates aparecem também no PlayStation 3 e Xbox 360 e o campo de batalha muda da selva do primeiro game para a metrópole de Nova York, totalmente destruída por conta de ataques de alienígenas. Além da campanha principal, "Crysis 2" faz a lição de casa e promete um modo multiplayer online com diversas modalidades e opções diversas para utilizar os poderes especiais da armadura dos protagonistas, como invisibilidade e super força.

Mais um título marcante do período é "LEGO Star Wars III", mais uma releitura da saga intergaláctica com roupagem do famoso brinquedo dinamarquês. Desta vez, a inspiração é o desenho animado "Clone Wars", que mostra o jovem Anakin Skywalker (que mais tarde vira o vilão Darth Vader) enfrentando hordas de inimigos ao lado de outros Jedis, como os mestres Yoda e Obi-Wan Kenobi.

Por fim, outros jogos importantes são "Dissidia 012: Duodecim Final Fantasy", nova versão do jogo de luta para PSP que mistura herois e vilões de diversos episódios de "Final Fantasy"; a versão para PC de "Assassin's Creed: Brotherhood" e "PlayStation Move Heroes", game de aventura exclusivo do PS3 que une personagens de franquias da Sony e usa o controle de movimentos PS Move.

Veja a lista dos jogos que serão lançados nos EUA nos próximos dias:

DS
. LEGO Star Wars III: The Clone Wars

Wii
. LEGO Star Wars III: The Clone Wars

PC
. Assassin's Creed: Brotherhood
. Crysis 2
. LEGO Star Wars III: The Clone Wars
. The Sims Medieval

PS3
. Crysis 2
. LEGO Star Wars III: The Clone Wars
. Mayhem 3D
. PlayStation Move Heroes

PSP
. Dissidia 012: Duodecim Final Fantasy
. Jikandia: The Timeless Land
. LEGO Star Wars III: The Clone Wars
. Naruto Shippuden Kizuna Drive

Xbox 360
. Crysis 2
. LEGO Star Wars III: The Clone Wars
. Mayhem 3D

As datas de lançamento dos jogos citados acima estão sujeitas à alteração. Não há previsão de novidades para PlayStation 2 de acordo com o calendário das principais revendas de jogos norte-americanas.

"Mass Effect 2" ganha o BAFTA de Melhor Jogo de 2010.



Agora foi a vez da Inglaterra reconhecer o sucesso de "Mass Effect 2", pois o game faturou mais um prêmio: Melhor Jogo de 2010, segundo os cróticos do BAFTA (Academia Britânica de Artes Televisivas e de Cinema).

A premiação aconteceu no dia 16 de março e também prestigiou diversos outros games, como foi o caso de "Call of Duty Black Ops", eleito pelo voto popular para ganhar o prêmio Game Award 2010.

Já "Heavy Rain" foi o maior vencedor da noite, com três prêmios: Melhor Roteiro, Inovação Tecnológica e Trilha Sonora Original. "God of War III" recebeu a o prêmio de Melhor Arte Visual.

Outros vencedores da premiação do BAFTA foram "F1 2010", da Codemasters como melhor jogo esportivo e "Need for Speed: Hot Pursuit", como melhor jogo multiplayer.

Por fim, o designer Peter Molyneux - criador das séries "Fable" e "Populous" -, foi homenageado pelo conjunto da obra com o troféu The BAFTA Fellowship, se juntando aos já eleitos Nolan Bushnell (Criador da Atari), Shigeru Miyamoto (da Nintendo), além de Will Wright, criador da série "The Sims".

Confira abaixo a relação completa dos eleitos pelo BAFTA:

Jogo de Ação
Assassin's Creed Brotherhood

Realização Artística
God of War III

Jogo Familiar
Kinect Sports

Mecânica
Super Mario Galaxy 2

Portátil
Cut the Rope

Multiplayer
Need for Speed: Hot Pursuit

Trilha Sonora Original
Heavy Rain

Redes Sociais
My Empire

Esportes
F1 2010

Roteiro
Heavy Rain

Estratégia
Civilization V

Inovação Tecnológica
Heavy Rain

Uso de Áudio
Battlefield: Bad Company: 2

Melhor Jogo
Mass Effect 2

Game Award 2010 (Jogo do ano segundo o público)
Call of Duty: Black Ops

Com problemas de conexão, demo de "Crysis 2" é retirado da PSN.



Enquanto alguns jogadores se divertiam com a demonstração multiplayer de "Crysis 2" para PlayStation 3 lançada na última terça-feira (15), outros tinham sérios problemas de conexão. Para que todos possam aproveitar o conteúdo prévio na mesma proporção, a Electronic Arts removeu o arquivo da PlayStation Network para realizar alguns reparos.

"Muitos jogadores estão tendo uma grande experiência jogando a demonstração [de 'Crysis 2'], mas sabemos que há outros sofrendo com problemas de conexão. Identificamos a causa do problema e decidimos bloquear o acesso à prévia para assegurar que todos os problemas estejam resolvidos quando o game chegar às lojas", disse a Electronic Arts.

Os donos de PlayStation 3 não foram os únicos a se deparar com tal situação. Quando disponibilizada em janeiro na rede Xbox Live, a demonstração de "Crysis 2" para Xbox 360 também apresentava problemas de conexão.

Tecnologia em favor do bem

"Crysis 2" será ambientado na cidade de Nova York. No primeiro game o jogador tinha o controle de um membro do exército americano que combatia norte-coreanos numa parte do game e alienígenas na outra. Entretanto a identidade do protagonista do segundo episódio da série ainda não foi revelada.

Uma das novidades do game é a versão 2.0 da Nanosuit, armadura de combate utilizada pelos protagonistas da franquia e que garante aumento de habilidades. Em "Crysis 2", além do tático, os outros quatro modos retornam com ajustes importantes. Um bom exemplo dessas alterações está na combinação das funções Speed e Power, que aumentam a velocidade e força do herói.

O lançamento do game está marcado para 22 de março em versões para PlayStation 3, Xbox 360 e PC.

Sony ganha o direito de rastrear conta do ciberpirata George Hotz no PayPal.

Ciberpirata Geohot terá que passar todos os dados de doações via PayPal.

Um juiz federal concedeu a Sony o direito de rastrear a conta do ciberpirata George Hotz, também conhecido como Geohot, no site de pagamentos via internet PayPal.

O motivo da obtenção do registro das movimentações de "Geohot" é a ação civil movida pela fabricante do PlayStation 3, que acusa Hotz de ser o homem responsável pelo lançamento do primeiro desbloqueio do aparelho em quatro anos de existência.

A ordem judicial foi dada após o magistrado Joseph Spero garantir à Sony os direitos de adquirir os endereços de IP de qualquer pessoa que tenha visitado o site de George Hotz desde janeiro de 2009. Além disso, a empresa ainda conquistou o acesso aos arquivos de Hotz no sites YouTube e Google, assim como a conta do Twitter pertencente ao ciberpirata.

Com 21 anos e um currículo composto do desbloqueio do iPhone e do PlayStation 3, Hotz é acusado de violar os direitos internacionais de direitos autorais, entre outras leis relacionadas a crimes digitais.

A batalha de Hotz com a sony começou quando o jovem de Nova Jersey publicou uma chave de criptografia e outras ferramentas que permitem aos donos de PlayStation 3 o acesso total ao sistema do console. Após cumprir uma ordem judicial, Hotz removeu os arquivos de sua página, mas continuou provocando a Sony em vídeos no YouTube.

Com a nova vitória nos tribunais, a Sony pode verificar a origem dos fundos relacionados à conta de Geohot no período de janeiro de 2009 até fevereiro de 2011. Segundo a fabricante japonesa, Hotz aceitou donativos de pessoas que residem no norte da Califórnia e deseja utilizar isso como trunfo para levar o julgamento para este estado, já que as autoridades alegam que tal ação deve ser feita no estado natal do réu. Além disso, o objetivo é confirmar que o ciberpirata realmente lucrava com as ferramentas ilegais de destravamento do PlayStation 3.

Apesar de Hotz negar que ele aceite doações, a lei de DMCA (Digital Millennium Copyright Act) não exige da Sony que prove o contrário, já que a lei proíbe o trafico de chamados "Dispositivos de evasão", projetados para quebrar esquemas de proteção contra cópias. Geohot alega, porém, que tais ferramentas visam apenas permitir que os donos do console executem softwares caseiros ou sistemas operacionais alternativos, como o Linux.

Bungie cria campanha para arrecadar doações para vítimas do terremoto no Japão.


O terremoto seguido de Tsunami que abalou o Japão em 11 de março continua repercutindo na indústria de games. Após várias empresas anunciarem a sua participação em campanhas beneficentes, agora é a Bungie, produtora da série "Halo", dar o seu apoio.

"O povo do Japão precisa da nossa ajuda. As pessoas necessitam de seu apoio", diz a nota da produtora ao anunciar a campanha de caridade "Ganbare Nippon", que visa a venda de uma pulseira cujo o lucro será destinado diretamente à campanha Japan Quake Relief 2011 e à Cruz Vermelha no arquipélago.

Além disso, a empresa afirma que todas as compras realizadas na Bungie Store até o dia 30 de abril serão doadas ao Japão. Segundo a Bungie, "Ganbare Nippon" significa, entre outras coisas, uma forma de apoio e pedido por união.

"Para nós, é uma forma de expressar esperança. A confiança de que nossa doação e ajuda chegará ao seu destino e que nossa mensagem na comunidade tenha um impacto positivo para ajudar esse povo durante o tempo que for necessário", diz a empresa, que finaliza "E esperamos que todos nos acompanhem, independente das diferenças regionais de nosso planeta, para um benefício de todos".

Por fim, a Bungie pede a todos que repassem a sua menagem, enviando o link às comunidades em que participam, falando com familiares e amigos para ajudar na campanha "Japan Quake Relief 2011". "Nós não podemos desfazer os danos causados pelo terremoto, mas certamente temos como ajudá-los. Estamos unidos, e juntos, fazemos a diferença", conclui.

Playfish arrecada doações para vítimas do terremoto no Japão.


O terremoto de magnitude 8,9 na escala Richter provocou uma crise sem precedentes no Japão. Para tentar ajudar nesta emergência, várias empresas da indústria de games estão fazendo doações significativas. A Playfish, empresa especializada em jogos para redes sociais, é mais uma companhia que se junta ao time de solidariedade.

A empresa, de origem britânica e hoje adquirida pela EA, anunciou que está arrecadando dinheiro em parceria com a comunidade Mercy Corps, grupo de ajuda humanitária, para ajudar os sobreviventes desta tragédia.

Todo o dinheiro arrecadado será enviado para a Mercy Corps ajudar a fornecer abrigos, água potável, alimentos e cobertores para as pessoas. Os jogadores podem fazer doações ao comprar itens especiais nos seguintes jogos:

. "Restaurant City" - Garden of Hope
. "Monopoly" - Red Pagoda
. "EA Sports FIFA Superstars" - item disponível na atualização de quarta/quinta-feira
. "Pet Society" - Support Japan Bundle

Quem quiser, pode doar diretamente qualquer valor na página da Playfish no site da Mercy Corp, http://www.mercycorps.org/fundraising/playfish0

Clássico de luta livre de Super Nes é o destaque na atualização do Nintendo Downloads.



Os fãs da geração 16-bits têm motivos para acessar o Nintendo Downloads nesta semana, pois "Natsume Championship Wrestling", lançado para Super Nes, está disponível na seção Virtual Console por 800 Wii Points, o equivalente a US$ 8.

Em "Natsume Championship Wrestling" é possível escolher entre 12 lutadores para participar de confrontos contra o computador ou desafiar até três amigos em disputas que certamente trarão momentos de diversão para os que curtem o gênero.

Já a rede WiiWare recebe "Arcade Essentials", que apresenta uma coleção de cinco jogos clássicos com gráficos e efeitos sonoros atualizados. O valor do download é de 500 Wii Points (US$ 5).

Há ainda a demonstração de "Dive: The Medes Islands Secret", game em que o jogador controla o caçador de tesouros John Sanders e precisa resgatar navios que estão submersos no oceano. A prévia é gratuita, e a versão completa é vendida por 1000 Wii Points (US$ 10).

Diversão portátil

Na rede DSiWare o destaque vai para "Shapo", que sai por 500 DSi Points (US$ 5). Aqui é preciso passar por mais de 150 estágios em dois modos de jogo diferentes: Classic, em que o objetivo é remover esferas para liberar espaço no diagrama, e Puzzle, opção na qual a dificuldade de cada desafio aumenta temporariamente.

Por fim há "G.G Series D-Tank". No controle de um tanque o jogador deve derrotar os inimigos enquanto realiza missões de defesa e invasão. O game custa 200 DSi Points (US$ 2).

1,5 milhão de jogadores já se inscreveram para teste de "Star Wars: The Old Republic"



Se a quantidade de inscrições para um teste determinasse o sucesso de um game online, "Star Wars: The Old Republic" já seria um dos melhores jogos de 2011, pois segundo a Electronic Arts, 1,5 milhão de pessoas já se registraram para explorar o universo do jogo.

"Já temos mais de um milhão, um milhão e meio de pessoas prontas para testar o jogo gratuitamente. Não estamos preocupados com a demanda inicial, pois para nós o importante é criar a experiência certa e um elo entre os jogadores", disse Eric Brown, chefe de finanças da Electronic Arts.

O executivo comentou ainda que há pessoas que nunca experimentaram um game online, mas são interessadas no universo "Star Wars". Logo, um dos maiores desafios da equipe é criar um universo capaz de acolher tanto o público "hardcore" quanto aqueles que conhecem o universo criado por George Lucas de cabo a rabo.

"O conteúdo para jogadores veteranos, como clãs, calabouços especiais e outras coisas são importantes para um game online, mas ao mesmo tempo queremos torná-lo acessível para que alguém que esteja jogando pela primeira vez reconheça a ficção de 'Star Wars' e não se sinta intimidado pelo público 'hardcore'", concluiu o executivo.

Cavaleiros Jedi

Em "Star Wars: The Old Republic" o jogador explora uma era ambientada milhares de anos antes da ascensão de Darth Vader, quando a guerra entre a Velha República e o Império Sith dividiu a galáxia. É possível jogar com uma variedade de papéis clássicos de "Star Wars", definindo uma história pessoal e trilhando um caminho pelo lado do bem ou do mal. Com o passar do tempo, formar alianças e parcerias com outros jogadores se torna uma possibilidade atraente, sendo possível lutar ao lado deles ou até mesmo traí-los.

"Star Wars: The Old Republic" está agendado para 2011.

quarta-feira, 16 de março de 2011

Produtor diz que "Batman: Arkham City" terá mais de 8 horas de duração.



Aqueles que se arriscarem a patrulhar os arredores de 'Arkham City' ao lado do Cavaleiro das Trevas vão encontrar desafios para mais de oito horas, tempo que, segundo a produtora Rocksteady Games, é necessário para avançar apenas pelas missões principais do game.

"O pessoal do nosso departamento de teste, que são 'ninjas' e obviamente sabem tudo sobre o game, podem passar pelas missões principais em aproximadamente oito horas - e eles sabem exatamente aonde ir e o que fazer. Sendo assim, alguém que nunca viu o jogo certamente fará tudo em um tempo maior do que esse", explicou Dax Ginn, gerente de marketing da Rocksteady Games responsável por "Batman: Arkham City".

Cidade de loucos

A trama de "Batman: Arkham City" acontece um ano após os incidentes do jogo anterior. Warden Quincy Sharp é o atual prefeito de Gotham City e sua primeira medida contra a criminalidade é aumentar a capacidade do hospício. Para isso foi anexado uma antiga região pobre da cidade que foi separada por um muro para isolar os criminosos em potencial dos cidadãos comuns.

O psicanalista Hugo Strange é o escolhido para administrar o local, que conta com grandes inimigos do homem-morcego, mais uma vez, liderados pelo palhaço Coringa. Outros vilões confirmados são o Duas Caras e a Mulher Gato, que inclusive faz par romântico com Batman. Ainda não se sabe exatamente quais são as reais intenções da gata na trama.

Como se trata de uma pequena cidade, Batman tem grande liberdade para circular, mas precisa se livrar de gangues que ficam rondando pelos becos. Pra isso, Batman tem acesso ao banco de dados desses grupos criminosos para identificá-los sempre que estiver por perto.

"Batman: Arkham City" está programado para chegar às plataformas Xbox 360, PlayStation 3 e PC em 18 de outubro.

terça-feira, 15 de março de 2011

Terremoto no Japão afeta indústria de games do país; saiba o que mudou.


Renda do jogo "Memories Off 6 T-Wave" serão convertidas para caridade no Japão.

A destruição causada pelo maior terremoto da história do Japão, ocorrido na última sexta-feira (11), trouxe o caos e uma série de vítimas para o país. A indústria de games, embora não tão relevante quando comparada aos outros problemas e tragédias que o país passa, também sofreu consequências, como uma série de adiamentos e cancelamentos de vários jogos.

A produtora Irem anunciou o cancelamento de "Disaster Report 4: Summer Memories", jogo para PlayStation 3 previsto para o segundo trimestre de 2011, que mostram desatres naturais como terremotos e tsunamis atingindo cidades japonesas.

A Sega confirmou que "Yakuza: Of the End", que mostra uma infestação de zumbis em um Japão caótico e pós-apocalíptico, foi adiado indefinidamente. O título estava agendado para ser lançado nesta semana.

A destruição e terremotos do jogo de corrida "MotorStorm: Apocalypse" da Sony, também previsto para ser lançado nesta semana, foi adiado para uma outra data ainda a ser anunciada. A empresa também comunicou que parou o serviço de informações e reparações PlayStation, e avisou que os usuários podem sentir dificuldades de conexão com a rede PlayStation Network.

A Microsoft por sua vez, cancelou uma turnê promocional chamada "Kinect Experience Caravan Car Event", no qual caminhões iriam levar o acessório de movimentos corporais Kinect em várias cidades do país. A empresa também anunciou atraso para o pacote de expansão "Dragon Age Origins: Awakening" e dos pacotes "Xbox Live 12 Month Gold Starter Kit" e "Xbox Live 3 Month Gold Membership".

Já a Square Enix confirmou o encerramento temporário dos servidores de "Final Fantasy XI" e "Final Fantasy XIV", bem como os serviços PlayOnline, com o intuito de se conservar energia para emergências, explica nota divulgada. A rede "Metal Gear Online" também encerrou suas atividades pelo mesmo motivo.

Por fim, a Capcom adiou o pacote de personagens extras para "Marvel vs. Capcom 3", que traz os personagens Jill Valentine e Shuma-Gorath, que seriam lançados esta semana na Xbox Live e PlayStation Network.

Ajuda financeira

Visando a reconstrução dos locais atingidos pelo tsunami, diversas empresas da indústria fazem campanha de doações para os desabrigados. A Nintendo e a Sony divulgaram que doaram 300 milhões de ienes (cerca de US$ 3,6 mi), sendo que a fabricante de eletrônicos também cedeu 30 mil rádios.

A Namco Bandai doou 100 milhões de ienes e declarou que vai fechar todos os Arcades para ajudar na economia de energia do país. Já a 5pb, uma das grandes empresas de jogos para aparelhos da Apple, cortou o preço do jogo "Memories Off 6 T-Wave" para 350 ienes (US$ 5) e até o dia 31 de março vai converter toda a renda do game para a caridade.

A costa nordeste do Japão foi atingida por um terremoto de magnitude 8,9, o maior já registrado no país, nesta última sexta-feira (11). O terremoto ocorreu às 14h46 da hora local (2h46 no Brasil), e teve seu epicentro no Oceano Pacífico, a 130 quilômetros da península de Ojika e uma profundidade de 24,4 quilômetros, formando tsunamis de até 10 metros de altura, segundo informações do Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS, na sigla em inglês).

"L.A. Noire" terá de 25 a 30 horas de jogo, diz Rockstar.



Um porta-voz da Rockstar disse, em uma demonstração exclusiva para os veículos de imprensa durante o evento PAX East de Los Angeles, que "L.A. Noire" pode oferecer de 25 até 30 horas de jogo em seu modo de história principal.

De acordo com o representante da Rockstar, este tempo estimado de jogo leva em conta apenas o modo de história, e que duração do jogo vai aumentar se forem somados os casos paralelos e conteúdos por download.

Além da novidade, os jornalistas convidados para a demonstração conferiram um caso intitulado "The Red Lipstick Murder", sobre um assassino conhecido por utilizar batom vermelho em suas vítimas.

Investigação de crimes em Los Angeles

"L.A. Noire" se passa na Los Angeles de 1947, no qual o jogador deve resolver os mistérios por trás de uma série de assassinatos brutais. O protagonista é Cole Phelps, policial cuja missão é limpar as ruas de Los Angeles dos crimes. O agente terá que lidar com uma força policial corrupta, dos mais baixo ao mais alto escalão, assim como algumas "coisas bem ruins" que ele mesmo fez durante a Segunda Guerra Mundial.

A mecânica de jogo básica em "L. A. Noire" envolve a resolução de casos através de um mix de investigação, depoimentos e interrogatórios, pacíficos ou nem tanto. Os sistemas de depoimentos e interrogatórios são uma parte interessante de "L.A. Noire", pois fazem uso da tecnologia de animação facial "revolucionária", segundo a Team Bondi, responsável pela produção do game.

Processadores Intel que prometem imagens melhores e vídeos rápidos chegam ao Brasil.

Processadores SandyBridge, da Intel, foram lançados em janeiro EUA.

A Intel anunciou nesta terça-feira (15), em São Paulo, a chegada ao Brasil da segunda geração da família Core i3, i5 e i7 (codinome SandyBridge, apresentada em janeiro nos Estados Unidos). Os processadores com integração de tecnologias visuais e processadores gráficos 3D prometem, principalmente, deixar os vídeos mais rápidos e aumentar a qualidade das imagens exibidas na tela. Serão treze fabricantes lançando novos computadores com esses processadores já neste mês no país.

A empresa não anuncia o preço individual dos chips, pois eles são vendidos em lotes para os fabricantes de computadores. O valor de uma máquina com o novo processador depende de vários itens da configuração (sistema operacional, memória RAM e disco rígido). Na apresentação desta terça, a Positivo divulgou oferecerá um notebook com o novo i3 por R$ 1.599; a Philco também terá um modelo básico a partir de R$ 1.699.

O novo presidente da empresa, Fernando Martins, destacou o crescimento da visualização de vídeos e compartilhamento de conteúdos multimídia em redes sociais. Segundo ele, esses fatores impulsionam a necessidade por um melhor processamento das máquinas. Martins citou uma pesquisa da Cisco (empresa da área de telecomunicações), mostrando que cerca de 90% do tráfego mundial de dados será de vídeos até 2013.

De acordo com a Intel, a segunda geração do Core permite criação de conteúdo 42% mais rápida e os jogos estão até 50% mais rápidos também. Na demonstração feita pela companhia, a conversão de quatro vídeos para diferentes formatos foi feita em menos de um minuto – enquanto a geração antiga ainda convertia o segundo vídeo da lista.

Em comparação a geração Core 2 Duo, um dos processadores mais populares no Brasil, os novos chips são 800% mais rápidos.

As fabricantes que lançarão máquinas no Brasil com a nova tecnologia serão: CCE, Dell, Lenovo, Itautec, Megaware, Positivo, Philco, Samsung, Sony, HP, Asus e Semp Toshiba. Algumas empresas já têm máquinas à venda em redes varejistas neste mês.

Falha em chipset

No final de janeiro, a Intel admitiu que uma falha afetou alguns chipsets utilizados na linha Sandy Bridge. O defeito encontrado leva a peça a se degradar, prejudicando o desempenho de dispositivos ligados a ela (por exemplo, discos rígidos e drives de CD).

Como resultado, a Intel cortou sua previsão de receita do primeiro trimestre em US$ 300 milhões, estimando em US$ 700 milhões o custo para reparar e substituir o chip.

A HP ofereceu reembolso aos clientes que compraram computadores com o chip defeituoso da Intel, a maioria deles vendidos nos Estados Unidos e Europa, embora a companhia tenha afirmado que a quantidade de PCs afetados foi pequena.

Entretanto, novos lotes de Sandy Bridge começaram a ser produzidas já no final de fevereiro, com a falha corrigida, e não devem afetar os produtos no Brasil.Fonte Uol.

segunda-feira, 14 de março de 2011

PS3 recupera a segurança com atualização 3.60, diz ciberpirata.

Atualização trouxe de volta a segurança do PS3, diz ciberpirata.

Um dos ciberpiratas mais ativos do PlayStation 3 afirma que com a atualização 3.60, a Sony pode ter conseguido fechar definitivamente as portas para a pirataria em seu console.

Youness Alaoui - também conhecido como KaKaRoToKS -, é o responsável pelo acessório PSFreedom e um dos idealizadores do payload PL3 para dispositivos USB que atacaram a segurança dos firmwares de sistema 3.41.

Após fazer uma breve análise no novo sistema 3.60, KaKaRoToKS disse em seu perfil no microblog Twitter que a Sony criou um engenhoso método que enterra definitivamente os protocolos de segurança lançados até então.

"Por enquanto, parece (ao menos à primeira vista) que o PlayStation 3 recuperou sua segurança, mas isto não significa que não possa ser quebrado novamente caso os interessados recomecem do zero", explica Alaoui, que apesar disso, avisa que não gastou mais do que alguns minutos analisando a nova atualização do console.

O sistema de segurança do PlayStation 3 atual é baseado em uma "cadeia de confiança", composta por camadas diferentes do console que são protegidas por níveis individuais de criptografia. O problema da Sony começou quando o ciberpirata conhecido como Geohot revelou a chave "mtldr", que dá acesso e desbloqueia todas estas camadas, acabando com a "corrente de confiança".

De acordo com a breve análise de Alaoui, a Sony simplesmente aboliu definitivamente a utilização da chave "mtldr", optando por um novo sistema de segurança que possivelmente requer um trabalho praticamente do zero por parte dos ciberpiratas para quebrá-la. Algo até pouco provável de acontecer, visto os diversos problemas legais acionados pela Sony nas últimas semanas.

Finalizando, KaKaRoToKS é enfático quanto a possibilidade de ele trabalhar em uma nova tentativa de quebrar o sistema do PlayStation 3 "Antes que me lotem de mensagem [No Twitter], isto [a eventual quebra da nova chave de segurança] não será feito por mim! Eu realmente não me importo em quebrar o PlayStation 3. Estou bem com o que conseguimos até agora [o destravamento de consoles com software até 3.55] e não vou trabalhar nisso", finaliza.

Terremoto no Japão fecha fábricas da Sony.

Fábricas da Sony foram fechadas devido ao forte terremoto na costa nordeste do Japão.

Devido ao forte terremoto de magnitude 8,9 que atingiu nesta sexta-feira (11) a costa nordeste do Japão, várias fábricas, indústrias e usinas nucleares foram fechadas. Os estabelecimentos da Sony na região não foram exceção, com seis manufaturas desligadas, segundo informou a agência de notícias de Kyodo.

O terremoto que abalou o país provocou destruição em empresas e áreas residenciais, e segundo nota da agência, a tragédia vai provocar um enorme impacto econômico sobre o Japão. Outras companhias que também fecharam suas operações foram a Honda, Hokuriku Electric Co., JX Nippon Oil & Energy Corp., Cosmo Oil Co., entre outras.

O terremoto ocorreu às 14h46 da hora local (2h46 no Brasil), e teve seu epicentro no Oceano Pacífico, a 130 quilômetros da península de Ojika e uma profundidade de 24,4 quilômetros, formando tsunamis de até 10 metros de altura, segundo informações do Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS, na sigla em inglês).

Pirataria pode inutilizar Nintendo 3DS, diz loja.


De acordo com uma nota divulgada pelo site da loja de varejo japonesa Enterking, os usuários que utilizarem dispositivos ilegais para rodar jogos piratas podem ter o seu 3DS inutilizado após uma eventual atualização de firmware do sistema.

"Em caso de utilização de equipamentos ilegais ou não aprovados pela Nintendo e personalização de sistema não autorizada, há a possibilidade de que o 3DS seja inutilizado após atualização de sistema", alerta o trecho extraído diretamente dos termos de utilização do portátil.

Resta saber se o aviso é apenas um blefe da Nintendo a fim de coibir a utilização de acessórios ilegais, como os populares Cartões de memória flash do DS, ou se realmente a fabricante optará por "quebrar" todos os aparelhos dos usuários que optarem jogar com softwares ilegais.

Recentemente, a Nintendo afirmou que o portátil tem uma armadilha escondida: a utilização desses dispositivos ilegais fica registrada na memória, e não pode ser apagada. Assim, quem usar tais dispositivos perde a garantia e estima-se que a Nintendo pode identificar, se o videogame for conectado à internet, quais aparelhos têm rastros de games piratas.

De qualquer forma, apesar de o 3DS se mostrar propenso a esses dispositivos, nenhuma utilização efetiva de jogos piratas para o novo sistema foi comprovada, exceto os jogos compatíveis com o antigo portátil, o DS. Até o momento, a companhia não anunciou nenhuma medida oficial contra os pirateiros.

Está chegando a hora

Nos Estados Unidos, o Nintendo 3DS chega em 27 de março, ao preço de US$ 249,99 e nas cores Aqua Blue (azul) e Cosmo Black (preto). O pacote acompanha um cartão de memória de 2 GB, seis cartões de realidade aumentada e uma base que serve para recarregar o aparelho.

O videogame terá quatro idiomas nativos: inglês, espanhol, francês e português do Brasil. A intenção da Nintendo é lançar o portátil no país ao mesmo tempo que nos Estados Unidos, mas, por ora, nada está definido. Nem o preço.

Além de games em cartão, o jogador também poderá obter jogos por download, através de uma loja especial chamada Nintendo E-Shop, acessada pelo próprio aparelho. Também estarão disponíveis clássicos para Game Boy e Game Boy Color através do serviço Virtual Console, e a Nintendo pretende ter mais de 30 títulos disponíveis para o portátil até o fim do primeiro semestre.

Os Friend Codes continuam existindo, mas agora é preciso ter um único código por aparelho, e não uma sequência numérica por jogo, como acontecia no Nintendo DS e no Wii.

"Batman: Arkham City" chega em 18 de outubro nos EUA.



"Batman: Arkham City", a nova aventura do Cavaleiros das Trevas nos videogames, já tem data para chegar às lojas: 18 de outubro nos Estados Unidos. A informação foi divulgada em comunicado oficial da Warner Bros. à imprensa.

A história do jogo se passa um ano após os eventos do anterior. Quincy Sharp, ex-diretor do Asilo Arkham, recebeu os créditos por deter o Coringa, usando essa fama para se tornar prefeito de Gotham City.

Como nem Arkham ou a prisão Blackgate estão em condições para manter os presos, Sharp compra uma grande parte das favelas de Gotham e arma o perímetro com mercenários de um grupo chamado Tyger, a fim de criar uma "Cidade Arkham".

Além da aventura principal, o jogo oferece diversas missões paralelas envolvendo personagens-chave, quebra-cabeças, elementos de estratégia e uma grande variedade de inimigos. A atmosfera do game promete ser ainda mais mais sombria que a do jogo anterior.

Microsoft procura engenheiros para criar sucessor do Xbox 360.

O Xbox 360 já vendeu cerca de 50 milhões de unidades ao redor do globo.

Apesar de o Kinect aumentar consideravelmente a procura dos consumidores pelo Xbox 360, a Microsoft já está pensando na próxima geração de seu console. Segundo o site Gamespot, a empresa está procurando de profissionais para trabalharem em um futuro console, desde o conceito até o lançamento. A novidade surgiu a partir de ofertas de trabalhos na rede de relacionamentos LinkedIn.

Segundo a nota, os interessados farão parte de um time "responsável pela definição e criação de uma próxima geração de console desde o seu conceito até a sua implementação".

Atualmente a divisão responsável pelos negócios de entretenimento interativo da companhia está contratando arquitetos de hardware de áudio e vídeo, arquiteto de áudio e de gráficos, com descrições que exigem conhecimentos específicos para cada função.

Outro cargo procurado é o de engenheiro de desenvolvimento de redes sem fio, cuja tarefa visa o desenvolvimento e verificação de produtos do Xbox atual e de plataformas futuras. Além disso, a oferta inclui também cargos de engenheiro de verificação de design e de engenheiro de verificação de design sênior.

Trajetória do Xbox 360

Lançado em novembro de 2005, o modelo original do Xbox 360 fez grande sucesso, principalmente pela sua rede de jogos online Xbox Live, mas sofreu com constantes problemas de superaquecimento, eternizando as famigeradas três luzes da Morte (3RL) como um dos símbolos da fragilidade de sua placa-mãe e processadores central e de vídeo. Tal problema foi praticamente resolvido com a última revisão destas placas, intitulada Jasper, até que, em 2010, a companhia anunciou um novo modelo do aparelho, popularmente conhecido como Xbox 360 S, em versões com 4GB e 250 GB de memória.

Em janeiro de 2011, o Xbox 360 ultrapassou o número total de vendas do Super NES, com mais de 50 milhões de unidades vendidas,contra os 49,10 milhões do 16 bits da Nintendo.

Com isso, o console ocupa a nona posição dos sistemas mais vendidos de todos os tempos (incluindo os portáteis), e a quinta colocação como o console mais vendido, ficando atrás do PlayStation 2, PlayStation, Wii e o NES.

LG perde na justiça e PS3 volta a ser comercializado na Europa.

Em decisão anterior da Justiça, a venda de PS3 havia sido proibida.

A disputa judicial envolvendo a LG e a Sony sobre a quebra de patentes da tecnologia de Blu-ray teve um final feliz, ao menos para os jogadores europeus. Após decisão do primeiro julgamento na Holanda, os consoles PlayStation 3 apreendidos nos portos de Roterdã e Schiphol foram liberados e podem ser enviados às prateleiras das lojas do continente.

A apreensão dos videogames PlayStation 3 na Europa começou com uma liminar concedida à LG - que move sete processos contra a Sony, alegando quebras de patentes da tecnologia Blu-ray presente no console - no final de fevereiro. Na ocasião, o Tribunal de Justiça em Haia, Holanda, ordenou que todos os novos consoles PlayStation 3 importados no Reino Unido e na Europa deveriam ser apreendidos, pelos próximos 10 dias.

A Sony, entretanto, recorreu da decisão e conseguiu reverter tal situação a seu favor, liberando as dezenas de milhares de consoles para distribuição nas lojas do continente sem qualquer tipo de problema legal.

Além disso, a LG sofreu outro duro golpe nos tribunais. Além de ver a Sony distribuindo novamente os seus consoles, a empresa coreana ainda teve de pagar cerca de ? 130 mil de despesas legais aos japoneses. E, caso não cumpra a decisão, terá que pagar uma multa de ?200 mil por dia.

Agora, resta saber se a LG conta com novos trunfos na manga ou se desistirá da briga com a rival.

quinta-feira, 10 de março de 2011

Microsoft reúne sucessos do Xbox Live Arcade para serem vendidos em disco.


Os donos de Xbox 360 que não tiveram a oportunidade de comprar os jogos "Limbo", "Trials HD" e "Splosion Man" no Xbox Live Arcade agora terão mais uma oportunidade para conhecê-los.

De acordo com o blog Joystiq, os três títulos serão compilados em uma coletânea em disco para venda no varejo. O presidente-executivo e co-fundador do estúdio Twisted Pixel, Michael Wilford, confirmou no Twitter a informação já adiantada na lista de jogos à venda no site Amazon: intitulada "Xbox Live Arcade Triple Pack", a coletânea está a caminho das lojas.

O pacote chega aos Estados Unidos em 19 de abril ao custo de US$ 29,99. Nada mal, já que apenas "Limbo" é vendido na rede online do Xbox 360 por 1500 Microsoft Points (o equivalente a US$ 15), enquanto os demais saem por 800 MSP (US$ 10) cada. Além disso, a coletânea dá de brinde 48 horas de utilização de uma assinatura Ouro do Xbox Live e 160 Microsoft Points (US$ 2) para gastar na rede.

Lançado em 2010, o jogo de plataformas "Limbo" possui uma atmosfera de estranheza, com ar sombrio e desolador. O game mostra a aventura de um garoto que acorda em uma floresta de um mundo preto e branco assustador, repleto de armadilhas mortais e habitantes pouco hospitaleiros.

Mais antigo,"Splosion Man" saiu em 2009. Este jogo de ação e plataforma com visão lateral tem como característica mais marcante a habilidade do protagonista em causar explosões em si mesmo. Utilizada para vários fins, a explosão permite ao herói pular, inclusive em pleno ar. Ele também aproveita a força gerada para ricochetear pelas paredes, fazendo com que ele alcance locais mais altos. A combustão violenta também serve para detonar os inimigos e quebrar certas paredes, abrindo caminhos para o final da área.

Do mesmo ano, "Trials HD" é um jogo de ação em que o jogador controla uma moto, e traz pistas malucas que não fariam feio em muitos jogos de plataforma ou em parque de diversões. A mecânica de jogo é em 2D (os caminhos são lineares), mas as leis da física ditam os movimentos. Ao todo, são mais de 50 pistas, mas o jogo ainda conta com um editor de fases, permitindo ao jogador criar as suas próprias trilhas.

Vilã de "Uncharted 3: Drake's Deception" é revelada.



Arne Meyer, gerente de comunidade da Naughty Dog, revelou através do blog oficial da Sony que o grande vilão de "Uncharted 3: Drake's Deception" será, na verdade, uma mulher. Ela é Katherine Marlowe, líder fria e calculista de uma sociedade secreta, cujas raízes datam de mais de 400 anos, no tempo da Rainha Elizabeth I, da Inglaterra.

De acordo com a nota no blog, Marlowe possui uma longa rivalidade com Nathan Drake, protagonista do jogo, sobre o anel "Sir Francis Drake", em que ambos clamam posse. O anel seria a chave para um antigo mistério.

A vilã é descrita como uma rival muito mais inteligente do que os antigos inimigos de Drake, utilizando táticas psicológicas e físicas para conseguir o que deseja. Como líder de uma sociedade secreta, ela tem o apoio de uma série de agentes altamente treinados para complicar a vida de Drake.

Exclusivo para PlayStation 3, "Uncharted 3: Drake's Deception" será compatível com tecnologia 3D e está programado para chegar em 1º de novembro de 2011.

Dissimulação

Como o próprio nome sugere, em "Unhcarted 3: Drake's Deception", o protagonista Nathan Drake está envolto numa teia de mentiras, em que nada parece ser o que é. No fim, o herói descobrirá verdades ocultas sobre sua identidade.

A história tem como foco a relação entre Nathan e seu amigo e mentor, Sullivan, que tentam encontrar uma lendária localidade conhecida como a "Atlântida das areias" ou Iram, a cidade dos pilares. A aventura os leva a locais como a península arábica, mais precisamente ao deserto de Rub' al Khali, também chamado de "Quarteirão Vazio".

Elevando a qualidade da série, a produtora Naughty Dog revelou que o terceiro game da série também poderá ser jogado com imagens em 3D estereoscópico. Outra novidade é a inclusão de ângulos de câmera mais dramáticos que ajudam a aumentar a emoção em momentos cruciais do jogo, deixando-o ainda mais próximo de um filme.

As modalidades competitiva e cooperativa também marcam presença em "Uncharted 3: Drake's Deception". Uma das adições para os combates é que agora o jogador tem a chance de acabar com diversos inimigos simultaneamente.

Microsoft comemora 10 milhões de Kinects vendidos.


A Microsoft divulgou que mais de 10 milhões de unidades do seu acessório de movimentos corporal Kinect foram vendidos no mundo todo desde o seu lançamento, em 4 de novembro. As vendas dos jogos exclusivos para o periférico também revelaram ser um sucesso, com mais de 10 milhões de títulos vendidos até hoje.

A gigante norte-americana também informou que o livro 'Guinness World Records' nomeou oficialmente o Kinect como o dispositivo eletrônico para consumo vendido mais rapidamente, vendendo uma média de 133.333 unidades por dia em um total de oito milhões no período de 60 dias, desde o seu lançamento.

A confirmação do registro vem logo após a última versão do 'Guinness World Records 2011 - Gamer's Edition', que inclui seções dedicadas ao Kinect.

"Os números das vendas falam por si", disse Gaz Deaves, editor da seção de games do Guinness World Records. "Segundo estudos independentes, nenhum outro dispositivo eletrônico de consumo vendeu tão rapidamente, num prazo de 60 dias, o que é um feito incrível, considerando a força do setor".

Xbox 360 em movimento

O Kinect é um acessório para o Xbox 360 que permite aos jogadores interagirem com o videogame sem a necessidade do controle. O sistema funciona com uma câmera de aproximadamente 23 cm de comprimento horizontal, que permite o alcance de até 2,7 metros de altura e 4 metros de profundidade. O reconhecimento de objetos e o destaque das pessoas serão ajustáveis através de um software.

Com o preço de US$ 149,99, o Kinect chegou aos Estados unidos em 4 de novembro, e na Europa no dia 10 do mesmo mês. No Brasil foi lançado no dia 18 de novembro, pelo preço de R$ 600.

"Gears of War 3" vai atrair jogadores de "Call of Duty", diz Microsoft.



Os modos inspirados em jogos de tiro em primeira pessoa de "Gears of War 3" podem atrair os fãs de "Halo" e "Call of Duty". Esta é a aposta de Kevin Unangst, produtor sênior de negócios interativos da Microsoft.

Em entrevista ao site Computer and Videogames, Unangst acredita que a terceira edição de "Gears of War" caminha para ser um "grande acontecimento" de 2011. "Este é o maior e melhor 'Gears' já feito, é nosso 'arrasa-quarteirão' e um grande lançamento para nós", diz.

Os novos modos de jogo como o "Team Deathmatch" é um dos atrativos de jogos de tiro em primeira pessoa que faz a sua estreia na série da Epic. Neste modo, os times se enfrentam com um número limitado de vidas até que reste apenas um participante vivo na disputa.

"Pessoalmente, eu jogo muito o Team Deathmatch, então estou bastante empolgado", diz o produtor "Penso que isto o fará grandioso. Adicionar modos como esse é importante porque há um grande número de jogadores de "Halo" e "Call of Duty", então é o caminho para atraí-los para "Gears of War".

A Microsoft confirmou recentemente que o aguardado teste beta de "Gears of War 3" - em que os jogadores podem experimentar alguns dos mapas multiplayer do jogo -, será iniciado em 25 de abril. Já os compradores da versão Epic Edition de "Bulletstorm" começa dias antes, em 18 do mesmo mês.

Ponto final

A série "Gears of War" foi aclamada pela crítica e mostra uma história focada no Esquadrão Delta, um grupo de soldados que recebe a missão de salvar o planeta Sera do exército de Locusts, criaturas horrendas que vêm do subterrâneo.

Revelado em meado de abril, "Gears of War 3" fecha a trilogia que narra o conflito dos humanos, representados pela trupe de Marcus Fenix, contra os Locusts.

Os tiroteios de "Gears of War 3" já têm data marcada para iniciar na Xbox Live: 20 de setembro. Segundo a Microsoft, o lançamento será simultâneo em todas as regiões, com exceção do mercado japonês, que recebe o game no dia 22.

Sony cancela diversos projetos de estúdios do Reino Unido.

O poder dos efeitos 3D em "MotorStorm: Apocalypse"

De acordo com informações do site GamesIndustry.biz, a Sony Computer Entertainment Europe cancelou vários projetos de jogos de seus estúdios no Reino Unido.

O Sony London (responsável por jogos como "EyePet" e "SingStar"), Studio Liverpool (da série "Wipeout") e Evolution Studios (da série "MotorStorm") foram alguns dos afetados.

"Esta decisão foi tomada após uma revisão interna de todos os jogos e foi considerado que, com a lista incrivelmente forte de títulos 'first party' exclusivos chegando este ano e no futuro próximo, os recursos deveriam ser remanejados para reforçar os projetos mais próximos da conclusão", comunicou a empresa para o site, afirmando que apesar dos cortes, o Reino Unido e as empresas afetadas ainda são colaboradores essenciais para o seu grupo World Wide Studios.

A Sony não quis comentar sobre a quantidade de funcionários desligados de suas funções por causa dessa medida. O anúncio veio um mês antes do lançamento do jogo de corrida "MotorStorm Apocalypse", marcado para o dia 12 de abril nos EUA e na próxima semana, 16 de março, na Europa.

Mundo em ruínas

"MotorStorm Apocalypse" se passa em uma cidade inspirada nas metrópoles da Califórnia, chamada apenas de The City. Abandonada pela população após o terremoto, a cidade atraiu a atenção dos Stormers, os pilotos do torneio "MotorStorm". Os tremores que destruíram a cidade continuam a acontecer durante o jogo, com pontes e prédios que caem em meio às corridas e buracos que se abrem no chão, por exemplo.

O sistema de dano ao cenário é persistente, ou seja, em uma segunda corrida na mesma pista, as mudanças que ocorreram na prova anterior ainda estarão lá. Além dos desastres naturais, é preciso tomar cuidado com a interferência humana, pois não apenas os corredores ocupam a cidade, mas também dois grupos rivais que habitam as ruínas de The City e podem interferir durante as corridas.

"Apocalypse" oferece corridas para até 16 jogadores online, quatro em tela dividida ou qualquer combinação dessas duas opções. Um sistema de evolução recompensa os jogadores pelo progresso nas partidas e permite adquirir aprimoramentos para os veículos, com melhorias na direção, potência e capacidade ofensiva do carro.

"Call of Duty: Modern Warfare 2" para PS3 ganha proteção contra ciberpiratas.


Após inúmeras queixas dos jogadores e problemas relatados envolvendo modificações de ciberpiratas em "Call of Duty: Modern Warfare 2" de PlayStation 3, finalmente a Activision liberou um pacote de atualização de dados que promete devolver a paz aos soldados do multiplayer online.

Segundo a Infinity Ward, o pacote prevê o fim de todos os problemas envolvendo as invasões e dados de jogadores apagados, mas como o novo conteúdo de segurança acabou de ser lançado, ainda é cedo para analisar a efetividade contra os ataques ciberpiratas. Desta forma, os próprios produtores pedem aos jogadores que continuem os apoiando e relatando eventuais problemas.

A confusão envolvendo a ciberpirataria e os jogadores de "Call of Duty" no playStation 3 começou em janeiro, quando um grupo de ciberpiratas descobriu uma chave de segurança privada do console, que lhes dava total liberdade para iniciar uma série de modificações não oficiais. Desta forma, diversos jogadores perderam os seus progressos e estatísticas após ataques e invasões de usuários de softwares não licenciados pela Sony e pela Activision.

Segundo a Activision, o pacote é exclusivo para o PlayStation 3, mas atualizações similares para Xbox 360 e PC também estão a caminho.

Guerra contemporânea

"Call of Duty: Modern Warfare 2" se passa alguns anos depois de "Call of Duty 4", quando a instabilidade política dentro da Rússia num futuro próximo novamente ameaça o mundo, na forma de organizações terroristas. O líder do grupo é Makarov, que vem a ser aliado de Zakhaev, aquele que planejou os ataques nucleares no primeiro "Modern Warfare".

Um dos dois protagonistas do título anterior, John "Soap" MacTavish, foi promovido a capitão da SAS, o grupo militar de elite do Reino Unido. É ele, no comando de um grupo chamado Task Force 141, que guia o jogador em uma série de missões, que inclui uma escalada a geleiras para invadir uma base russa.

terça-feira, 8 de março de 2011

Com 19 mil visitantes, GDC 2011 bate recorde de público; veja os destaques.

Visitantes testam o 3DS no estande da Nintendo durante a GDC 2011.

Com muito bom humor, Toru Iwatani explicou em detalhes a criação de "Pac-Man"

A edição 2011 da Game Developers Conference bateu recorde de público, alcançando 19 mil visitantes, entre profissionais dedicados à arte e ciência do desenvolvimento de games, além de profissionais da indústria. A 25ª edição do evento foi realizada entre 28 de fevereiro e 4 de março em San Francisco, nos Estados Unidos.

Foram mais de 450 palestras, tutoriais, painéis, "summits" e mesas-redondas, com destaque para aquela que discutiu o fenômeno de "Angry Birds", por exemplo. Mas, ainda assim, as palestras sobre clássicos do videogame roubaram as cenas, especialmente as de "Prince of Persia", "Pac-Man", "Out of this World", "Doom" e "Maniac Mansion".

Na 13ª edição do Independent Games Festival (IGF), o maior destaque foi "Minecraft", da desenvolvedora sueca Mojang, enquanto o best-seller "Red Dead Redemption", da Rockstar Games, faturou quatro troféus, dentre eles o de melhor jogo, cerimônia do Developers Choice Awards, importante premiação da indústria de games.

No pavilhão de exposições foi o Nintendo 3DS que roubou a cena: o portátil, já lançado no Japão, só vai chegar ao Ocidente no final do mês. Logo, para muitos visitantes foi a primeira oportunidade de experimentá-lo no estande da Big N. Durante palestra na GDC, por sinal, o presidente da companhia, Satoru Iwata, aproveitou para anunciar "Super Mario" para o 3DS.

E a Game Developers Conference 2012 já tem data para acontecer: será de 5 a 9 de março no mesmo Moscone Convention Center, em San Francisco. Ao longo de 2011 o evento terá edições também na Europa e na China, além da GDC Online, nos EUA.

3DS não é compatível com Unreal Engine, diz Mark Rein.

Novo portátil da Nintendo é poderoso, mas não o suficiente para a Unreal Engine 3.


A Epic Games apresentou durante a feira Game Developers Conference 2011 a nova versão do seu popular motor gráfico Unreal Engine 3, e aproveitou para dizer que o portátil Nintendo 3DS não suporta a tecnologia.

Segundo Mark Rein, vice-presidente da Epic, em entrevista para o site Joystiq, disse que o novo sistema da Nintendo não consegue rodar o motor. "O nosso motor necessita de um certo nível de capacidade de hardware, para que nossas ferramentas funcionem bem - e nós trabalhamos nas [máquinas] que conseguem", disse ele.

Porém deixou claro que é tudo questão técnica, e não é nada pessoal contra a Big N. "No segundo em que a Nintendo lançar um hardware que consiga correr bem o nosso motor, estaremos lá como água para um peixe. Não é nada contra a Nintendo. Odeio as pessoas que pensam isso", esclareceu, dizendo que possui vários portáteis da empresa e Wiis em sua casa.

Em comparação com o NGP, nova plataforma portátil anunciada recentemente pela Sony, a Epic Games disse dias atrás que o sistema suporta a tecnologia Unreal.

O seu motor gráfico Unreal Engine 3 é considerado um dos melhores no desenvolvimento de jogos atuais, usado em títulos para PC, Xbox 360 e PlayStation 3, como "Gears of War" e "BioShock". Até mesmo empresas orientais, como Square Enix e Koei, que tradicionalmente desenvolvem suas próprias ferramentas, já adotaram a tecnologia.

A GDC é um congresso para desenvolvedores de jogos e a edição de São Francisco aconteceu entre 28 de fevereiro a 4 de março.

Está chegando a hora.

Nos Estados Unidos, o Nintendo 3DS chega em 27 de março, ao preço de US$ 249,99 e nas cores Aqua Blue (azul) e Cosmo Black (preto). O pacote acompanha um cartão de memória de 2 GB, seis cartões de realidade aumentada e uma base que serve para recarregar o aparelho.

O videogame terá quatro idiomas nativos: inglês, espanhol, francês e português do Brasil. A intenção da Nintendo é lançar o portátil no país ao mesmo tempo que nos Estados Unidos, mas, por ora, nada está definido. Nem o preço.

Além de games em cartão, o jogador também poderá obter jogos por download, através de uma loja especial chamada Nintendo E-Shop, acessada pelo próprio aparelho. Também estarão disponíveis clássicos para Game Boy e Game Boy Color através do serviço Virtual Console, e a Nintendo pretende ter mais de 30 títulos disponíveis para o portátil até o fim do primeiro semestre.

Os Friend Codes continuam existindo, mas agora é preciso ter um único código por aparelho, e não uma sequência numérica por jogo, como acontecia no Nintendo DS e no Wii.

Sony revela que mais de 41 milhões de PS3 foram vendidos no mundo.

Sony diz na GDC que 41,6 milhões de consoles foram vendidos, numero difere do relatorio fiscal.

A Sony confirmou, durante a sua conferência na Game Developers Conference 2011, que acontece em San Francisco, nos EUA, a venda de 41,6 milhões de unidades em todo o mundo desde o seu lançamento, em 2006.

Este número contradiz os próprios relatórios fiscais da fabricante divulgados em seu site oficial, que registram a venda de 47,9 milhões de consoles até dezembro de 2010.

A Sony também afirma que as receitas da PlayStation Network subiram 70% após o aumento da audiência da loja PlayStation Store em 60%. Além disso, a empresa diz que mais de 70 milhões de contas da rede online do PlayStation foram criadas desde que o serviço foi lançado com o PlayStation 3.

Finalizando, a Sony confia nos futuros jogos do PlayStation 3 para alavancar definitivamente as vendas de sua principal plataforma de jogos. Entre os títulos em produção, destaque para "Uncharted 3", "Resistance 3", "inFamous 2", "Motorstorm Apocalypse" e "The Last Guardian".

Direto da GDC: "Pitfall!" levou 1.000 horas de programação no Atari 2600.



David Crane trabalha na indústria de games há anos e criou "Pitfall", icônico game do Atari 2600.


Em 1979, cansado de ver a Atari levar todo o crédito pelos games que publicava, o jovem programador David Crane deixou a empresa e, junto com alguns colegas, fundou a Activision. A ideia era replicar o modelo de venda de livros, em que o autor recebe merecido destaque. Dentro destes moldes inovadores nasceu "Pitfall!", em 1982, e Crane esteve na Game Developers Conference 2011 para relembrar o processo de criação de um dos títulos mais memoráveis do Atari 2600.

Para quem teve o privilégio de gastar horas e horas em "Pitfall!", o sentimento era de ter em mãos uma aventura completa, com direito a florestas, tesouros e ameaças como crocodilos, escorpiões e abismos que se abriam, de repente, no solo. Não por acaso, a inspiração direta para o game foi o filme "Indiana Jones e os Caçadores da Arca Perdida", que estreara um ano antes do lançamento de "Pitfall!".

Entretanto, engana-se quem pensa que o jogo foi fruto de intensas horas de brainstorming: segundo Crane, apenas 10% do trabalho correspondeu ao processo criativo; os demais 90% - 1.000 horas de programação - foram gastos na tarefa de viabilizar "Pitfall!" tecnicamente: "Era preciso fazer o game caber em 4 Kbytes (4096 bytes) de memória", lembra Crane.

Mas há que se destacar aqui a ousadia de Crane, obcecado pela ideia de colocar um "homenzinho" animado correndo em plena floresta. "Até então, os jogos do Atari 2600 eram todos protagonizados por naves, tanques e tanques, que eram muito mais simples de animar e programar". Em suma, para desenvolver jogos naquela época era preciso, primeiro, "consultar" o hardware, para depois partir para a concepção em si.

Some-se a isso o fato de que Crane resolveu que o jogador teria apenas uma vida e 20 minutos por "sessão" de jogo. "Meus colegas de trabalho simplesmente odiaram a ideia". Mas, novamente, o programador estava certo: após o lançamento a Activision chegou a receber 14 mil cartas por semana, a maioria delas com mapas de "Pitfall!" desenhados pelos próprios jogadores. Havia 78 pessoas na empresa dedicadas apenas à tarefa de abrir e ler cada carta.

Com 4 milhões de cópias vendidas, "Pitfall!" virou coqueluche, inspirando uma série de produtos como jogos de tabuleiro, livros de colorir e até um desenho animado. "Fomos acusados de querermos ser 'rockstars', por fazer questão de nossos nomes aparecerem nas caixas dos jogos. Mas, afinal, o que achavam que estávamos esperando: gostar de estarmos admirados por meninas de 12 anos? Era só uma questão de reconhecimento".

O trabalho de David Crane, atualmente funcionário da MTV Games, pode ser visto por aí até hoje: "Trabalhei em cada console diferente deste mercado, todos os dias, há 34 anos". Porém, ele sabe que será sempre lembrado é pelo jogo que, mais de 25 anos atrás, fez muito gente se sentir o próprio Indiana Jones.

Com tecnologia 3D, próximo filme de "Resident Evil" estreia em 2012.


Apesar das críticas vindas de partes dos fãs, a franquia de filmes baseada na popular série de zumbis da Capcom, "Resident Evil", vai ter um 5º longa-metragem: conhecido por enquanto apenas como "Resident Evil 5", o filme está previsto para estrear nos cinemas norte-americanos no dia 14 de setembro de 2012, e vai utilizar tecnologia 3D estereoscópica.

A história do filme será ambientada após os eventos de "Resident Evil: Afterlife", lançado ano passado e que arrecadou mais de US$ 236 milhões, o que foi considerado um bom desempenho comercial entre os filmes da saga - e, portanto, o principal incentivador para uma nova sequência.
Ainda não foi anunciado quem assumirá a função de diretor e tampouco qual será o elenco, mas há grandes chances de Paul W.S. Anderson assumir o comando mais uma vez e de a atriz Milla Jovovich reprisar seu papel como Alice.

"Os que não gostam vão odiar, mas a franquia tem os seus encantos e estou ansioso para ver os elementos dos videogames eles decidiram incluir neste novo filme", disse um membro da Capcom no blog oficial da empresa, o Capcom-Unity.

"Zelda: Ocarina of Time" para 3DS trará versão Master Quest.



Quem que curte o famoso modo "hard" dos games estará bem servido pelo remake de "The Legend of Zelda: Ocarina of Time", para Nintendo 3DS. É que David Young, relações públicas da divisão americana da Nintendo, confirmou que o game também contará com a versão Master Quest.

Para quem não sabe, a versão Master Quest de "Ocarina of Time" apresenta quebra-cabeças mais complicados, itens em localizações diferentes e inimigos mais fortes. A edição em questão foi apresentada no disco entregue como brinde aos que compraram o jogo "The Legend of Zelda: The Wind Waker", para GameCube.

Lançado em 1998 para Nintendo 64, e posteriormente, para GameCube e Wii, "The Legend of Zelda: Ocarina of Time" adicionou algumas novidades à série, como a égua Epona e as versões infante e jovem do protagonista Link.

"The Legend of Zelda: Ocarina of Time 3D" ainda não tem data de lançamento definida para o mercado americano.

Está chegando a hora

Nos Estados Unidos, o Nintendo 3DS chega em 27 de março, ao preço de US$ 249,99 e nas cores Aqua Blue (azul) e Cosmo Black (preto). O pacote acompanha um cartão de memória de 2 GB, seis cartões de realidade aumentada e uma base que serve para recarregar o aparelho.

O videogame terá quatro idiomas nativos: inglês, espanhol, francês e português do Brasil. A intenção da Nintendo é lançar o portátil no país ao mesmo tempo que nos Estados Unidos, mas, por ora, nada está definido. Nem o preço.

Além de games em cartão, o jogador também poderá obter jogos por download, através de uma loja especial chamada Nintendo E-Shop, acessada pelo próprio aparelho. Também estarão disponíveis clássicos para Game Boy e Game Boy Color através do serviço Virtual Console, e a Nintendo pretende ter mais de 30 títulos disponíveis para o portátil até o fim do primeiro semestre.

Os Friend Codes continuam existindo, mas agora é preciso ter um único código por aparelho, e não uma sequência numérica por jogo, como acontecia no Nintendo DS e no Wii.

PlayStation Home terá jogos multiplayer ainda em 2011.

A PlayStation Home, mundo virtual do PS3, já foi baixada 19 milhões de vezes.

Durante a Game Developers Conference 2011, que aconteceu semana passada em San Francisco, nos EUA, a Sony anunciou que a PlayStation Home, mundo virtual para o PS3, vai ganhar uma nova versão em 2011. Dentre as novidades do serviço está o suporte a jogos multiplayer.

Os títulos multiplayer prometem ser mais complexos, abrangendo games de gêneros como corrida e shooter. A Sony mostrou o "Sodium 2: Project Velocity", justamente um jogo de corrida, para exemplificar as novas funcionalidades.

Além disso, a versão 1.5 da PlayStation Home chegará com visual reformulado e gráficos aperfeiçoados.

O diretor de operações da PlayStation Home, Jack Buser, aproveitou o ensejo para comemorar a marca de 19 milhões de downloads na Home. O número, porém, corresponde ao número de vezes em que foi feito o download do aplicativo, e não necessariamente representa o número de usuários ativos.

Ainda segundo o executivo, o tempo médio gasto pelos jogadores na Home é de 70 minutos, e a procura por itens virtuais aumentou em 110% no ano passado. Buser, no final das contas, não informou qual o número de usuário ativos do serviço.

"Mortal Kombat" terá gráficos em 2D e 3D 'simultâneos' no PS3.



Hoje em dia, os jogos para PlayStation 3 que apresentam opção de visualização em 3D estereoscópico exigem que o jogador utilize um par de óculos especiais para curtir a experiência. Em "Mortal Kombat" isso não será necessário, pois o game funcionará simultaneamente em 2D e 3D.

De acordo com uma mensagem publicada no blog oficial do Playstation na Europa, o jogo funciona normalmente tanto para quem está usando os óculos especiais quanto para quem encara a partida sem o acessório. A diferença é que, para estes, o fundo do cenário ficará um pouco "borrado", mas os personagens aparecem normalmente.

"Nós não queremos que o efeito em 3D estereoscópico mude as mecânicas básicas [do jogo] ou torne as coisas complicadas. Essa adição faz os personagens se destacarem do plano de fundo, ajudando a se concentrar neles", explicou Ed Boon, diretor criativo de "Mortal Kombat" e um dos criadores da série.

A volta dos fatalities

Em desenvolvimento para Playstation 3 e Xbox 360, "Mortal Kombat" está aos cuidados do recém-criado NetherRealm Studios, formado por ex-funcionários da Midway, supervisionado pelo criador da série e diretor de criação Ed Boon.

O novo capítulo da franquia de lutas sangrentas retornará com conteúdo maduro, diferente da última vertente que teve a participação de heróis e vilões da DC e foi classificado para acima de 13 anos. O nono "Mortal Kombat" chega com a promessa de combates ainda mais sangrentos, trazendo uma "reinvenção de seu clássico mecanismo 2D de luta", segundo a Warner, e claro, com os fatalities, as famosas execuções finais que são marca registrada de "Mortal Kombat".

sábado, 5 de março de 2011

Direto da GDC: primeiros 20 minutos de "The Darkness II" empolgam; leia impressões.



A 2K Games aproveitou a Game Developers Conference 2011 e convidou a imprensa para dar uma primeira olhada em "The Darkness II", sequência para o jogo desenvolvido pela Starbreeze Studios e lançado em 2007. Agora nas mãos da Digital Extremes, a franquia mostra que, nesta segunda empreitada, está mais fiel à HQ e, principalmente, disposta a corrigir algumas das falhas do original.

A demonstração vista mostrou os primeiros 20 minutos de jogo, partindo exatamente de onde o original parou: Jackie Estacado, novamente dublado por Mike Patton, está agora no topo da máfia, mas isso parece ter trazido sérios problemas para ele. O protagonista se vê preso a uma espécie de cruz, enquanto um bandido tenta roubar a Escuridão dele.

Esta sequência é permeada por diálogos e sequências jogáveis que funcionam como um flashback dos momentos que antecederam esta situação difícil. Jackie se vê em um restaurante chique, na companhia de duas loiras estonteantes, mas um segundo depois as beldades já estão com balas na cabeça e Jackie, com a perna ferida, precisa se arrastar enquanto distribui balas para fugir do ataque-surpresa.

Logo o jogador pode explorar um dos elementos mais promissores de "The Darkness II": além de manipular uma arma em cada braço, Jackie tem dois tentáculos dotados de poderes da Escuridão: um serve para agarrar os inimigos, enquanto o outro é utilizado para agredi-los. Os controles, que usam os dois botões de ombro e os gatilhos, parecem funcionar de forma intuitiva, promovendo uma rica carnificina em alta definição.

Além de armas de fogo, Jackie pode usar também tentáculos para atacar inimigos.


É preciso destacar aqui o bom trabalho que a Digital Extremes está realizando com os gráficos, que espelham muito mais a HQ, num estilo que a produtora está chamando de "Graphic Noir". O contraste entre os personagens e o cenário cria um leve cel shading e evidencia ainda mais os efeitos de luz. Enfim, "The Darkness II" está belo como deve ser.

Vale destacar que, ao menos a julgar pela demonstração, a mecânica de jogo evita a situação que empacou um pouco a ação da versão anterior, que era de interromper a matança para atirar em cada luz do cenário. Agora os cenários parecem melhor planejados, com fontes de luz posicionadas de forma estratégica. Com isso, o jogador deve pensar melhor seus passos, tornando o jogo mais dinâmico.

Se "The Darkness II" for capaz de manter o ritmo visto nos seus primeiros 20 minutos, será um jogo que deve constar na lista dos fãs de shooters - especialmente daqueles que jogaram a primeira versão, ainda que torcendo o nariz para alguns problemas dela.

Com versões para PlayStation 3 e Xbox 360, "The Darkness II" ainda não tem data de lançamento definida.

sexta-feira, 4 de março de 2011

GDC premia "Red Dead Redemption" como melhor jogo de 2010.



O Velho Oeste criado pela Rockstar para "Red Dead Redemption" não conquistou apenas os jogadores e a crítica. Durante a cerimônia Game Developers Choice Awards realizada na Game Developers Conference (GDC) 2011, o game de ação foi eleito o jogo do ano pelos desenvolvedores.

Indicado em seis categorias, "Red Dead Redemption" faturou os prêmios de áudio, tecnologia, design e jogo do ano, superando outros títulos de peso como "Mass Effect 2", "Call of Duty: Black Ops" e "Assassin's Creed: Brotherhood".

Outro título que merece destaque é "Minecraft". Criado pelo programador sueco Markus Persson, o game construiu bases sólidas e adquiriu os três títulos para os quais concorreu (estreante, jogo para download e inovação), confirmando que sua popularidade não é um fenômeno passageiro.

A GDC 2011 acontece em São Francisco, Estados Unidos, e reúne os grandes desenvolvedores de games da indústria. O evento acontece até a próxima sexta-feira (4), com cobertura ao vivo de UOL Jogos.

Confira a seguir a lista dos games indicados e os campeões em cada categoria:

Game Design

. "Super Mario Galaxy 2" (Nintendo)
. "Mass Effect 2" (BioWare)
. "Limbo" (Playdead)
. "Red Dead Redemption" (Rockstar San Diego)
. "God of War III" (SCE Santa Monica)
Vencedor: "Red Dead Redemption" (Rockstar San Diego)

Inovação

. "Heavy Rain" (Quantic Dream)
. "Kirby's Epic Yarn" (Good-Feel & HAL Laboratory)
. "Minecraft" (Mojang)
. "Limbo" (Playdead)
. "Dance Central" (Harmonix)
Vencedor: "Minecraft" (Mojang)

Tecnologia

. "Starcraft II" (Blizzard)
. "Red Dead Redemption" (Rockstar San Diego)
. "Heavy Rain" (Quantic Dream)
. "Mass Effect 2" (BioWare)
. "God of War III" (SCE Santa Monica)
Vencedor: "Red Dead Redemption" (Rockstar San Diego)

Portátil

. "God of War: Ghost of Sparta" (Ready At Dawn/SCE Santa Monica)
. "Cut the Rope" (ZeptoLab)
. "Metal Gear Solid: Peace Walker" (Kojima Productions)
. "Game Dev Story" (Kairosoft)
. "Dragon Quest IX" (Level 5)
Vencedor: "Cut the Rope" (ZeptoLab)

Áudio

. "Limbo" (Playdead)
. "Red Dead Redemption" (Rockstar San Diego)
. "Halo: Reach" (Bungie)
. "Battlefield: Bad Company 2" (DICE)
. "Mass Effect 2" (BioWare)
Vencedor: "Red Dead Redemption" (Rockstar San Diego)

Jogo para download

. "Costume Quest" (Double Fine)
. "Limbo" (Playdead)
. "Super Meat Boy" (Team Meat)
. "Minecraft" (Mojang)
. "Monday Night Combat" (Uber Entertainment)
Vencedor: "Minecraft" (Mojang)

Roteiro

. "Red Dead Redemption" (Rockstar San Diego)
. "Heavy Rain" (Quantic Dream)
. "Mass Effect 2" (BioWare)
. "Costume Quest" (Double Fine)
. "Fallout: New Vegas" (Obsidian)
Vencedor: "Mass Effect 2" (BioWare)

Estreante

. "Limbo" (Playdead)
. "Darksiders" (Vigil Games)
. "Minecraft" (Mojang)
. "Super Meat Boy" (Team Meat)
. "Monday Night Combat" (Uber Entertainment)
Vencedor: "Minecraft" (Mojang)

Arte Visual

. "God of War III" (SCE Santa Monica)
. "Limbo" (Playdead)
. "Call of Duty: Black Ops" (Treyarch)
. "Assassin's Creed: Brotherhood" (Ubisoft Montreal)
. "Red Dead Redemption" (Rockstar San Diego)
Vencedor: "Limbo" (Playdead)

Jogo do Ano

. "Red Dead Redemption" (Rockstar San Diego)
. "Mass Effect 2" (BioWare)
. "Call of Duty: Black Ops" (Treyarch)
. "Limbo" (Playdead)
. "Assassin's Creed: Brotherhood" (Ubisoft Montreal)
Vencedor: "Red Dead Redemption" (Rockstar San Diego)